Jun
27

0


  1. Como correu o exame?
  2. O exame correspondeu ao que aprendeu na escola?
  3. O que gostava que tivesse saído que não saiu?
  4. Qual foi a pergunta ou o tópico do exame que correu pior?

Joana Alves, 20 anos, aluna de Ciências e Tecnologias

1. Na generalidade correu bem. Tive algumas dificuldades em alguns parâmetros da parte experimental, que existe todos os anos. As minhas dúvidas, estranhamente, foram na parte de Geologia, que por norma é a parte que faço mais facilmente. Mas correu bem, acho que este é o ano para terminar Biologia.


Joana Alves, 20 anos, aluna de Ciências e Tecnologias Margarida Basto

2. Há sempre tópicos que aparecem no exame que nas aulas não são explorados a 100%. No entanto, acho que este ano foi tudo explorado. Em anos anteriores, havia matéria nos exames que os alunos estavam quase a ver pela primeira vez, porque era matéria dada a correr, porque os professores não achavam relevante. Contudo, este ano não foi o caso.

3. Os tópicos que saíram foram aqueles que eu mais aprofundei e que mais preparei, portanto não houve assim nenhum tópico que me surpreendesse.

4. Não queria que tivesse saído regulações hormonais [Biologia]. Porque é uma matéria mais complexa, que tem mais pormenores e palavras-chave, o que acaba por ser mais difícil de me lembrar e coordenar tudo.

João Macedo, 17 anos, aluno de Ciências e Tecnologias

1. Para as minhas expectativas correu mais ou menos. O exame era bastante acessível, mas não sei se me correu assim tão bem com queria.

2. Sim, tudo o que saiu no examos nós aprendemos nas aulas.


João Macedo, 17 anos, aluno de Ciências e Tecnologias Margarida Basto

3. Não tenho nenhum tópico que preferisse que saísse, porque houve um pouco de tudo.

4. O que me correu pior foi a parte de Biologia. Apesar de considerar mais interessante, foi onde sempre tive mais dificuldades.

Inês Pinho, 16 anos, aluna de Ciências e Tecnologias

1. Correu bem. Acho que nunca conseguimos saber se correu bem ou não. Podemos achar que umas escolhas múltiplas estão mesmo certas e depois podem não estar, mas sim correu bem.

2. Sim, acho que tudo o que aprendemos correspondeu ao que saiu no exame.


Inês Pinho, 16 anos, aluna de Ciências e Tecnologias Margarida Basto

3. No grupo 3, sobre as rochas, na parte de Geologia. Havia lá uma pergunta sobre as rochas de Geologia que era um pouco mais complicada.

4. Gostava que tivesse saído a formação das rochas magmáticas, de Geologia.

Marta Bento, 17 anos, aluna de Ciências e Tecnologias

1. Acho que o exame correu bem. Comparativamente com o de outros anos, achei este exame mais acessível.

2. Tive muita sorte na professora que tive, preparou-nos muito bem para o exame e acho que estávamos bem preparados para qualquer eventualidade que pudesse surgir.


Marta Bento, 17 anos, aluna de Ciências e Tecnologias Margarida Basto

3. A obtenção de matéria, que tem a ver com a energia nas células e nos seres vivos, era o que gostava que tivesse saído. Foi o que mais estudei por isso estava mais consolidado.

4. A parte da relação hormonal de Biologia foi o que me correu pior. Foi também a parte que estudei menos, porque como não costuma sair em exames não pensei que fosse sair tão aprofundado. Como tinha mais dificuldades demorei mais tempo resolver esse exercício.

Gonçalo Costa, 16 anos, aluno de Ciências e Tecnologias

1. Sim, acho que o exame correu bem. Era bastante acessível.


Gonçalo Costa, 16 anos, aluno de Ciências e Tecnologias Margarida Basto

2. Sim, porque as aulas foram sempre preparadas no âmbito do exame.

3. No exame saiu aquilo que eu queria que tivesse saído, por isso acho que correu bem.

4. Houve uma parte de Geologia que não correu como eu estava a espera. Acho que a parte de Biologia era mais acessível.

Autor: Publico.pt – Educação




Deixe o seu comentário