Abr
4

0


O CRUP e o Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos (CCISP) estão, esta manhã, a ser ouvidos na comissão parlamentar de Educação sobre a lei dos compromissos, que pretende travar o endividamento das entidades públicas, obrigando-as a assumir compromissos financeiros limitados às receitas previstas a cada trimestre. “Se formos obrigados a cumprir a lei de compromissos à letra, vamos criar dívidas. O ministro das Finanças faz o seu papel e nós queremos fazer
Ler mais...

Abr
3

0


O balanço apresentado por Sintra Nunes é diferente das contas antes divulgadas pela empresa e que foram tidas em conta nas auditorias da IGF e do TC. Segundo o ex-presidente da PE, que se demitiu em Março, os números apresentados na Comissão Parlamentar de Educação são “os de fecho” do ano de 2011 e aqueles que permitem “saber mais exactamente” as previsões de custos, uma vez que “resultaram da introdução de novas ferramentas” e
Ler mais...

Abr
3

0


Ensino superior 03.04.2012 – 16:52 Por Samuel Silva Os cortes no financiamento da acção social no ensino superior e de outros apoios sociais estão a levar milhares de estudantes a abandonar as universidades e politécnicos. A avaliação é feita pela União Europeia de Estudantes (ESU) que se solidarizou com os problemas vividos pelos alunos portugueses, lançando críticas às mais recentes medidas aprovadas para o sector. De acordo com a ESU, desde Setembro do ano passado, cinco mil
Ler mais...

Abr
3

0


“Julgamos que há ainda muito a fazer junto dos professores, mas sobretudo junto dos pais. Os professores começam, aos poucos, a ser sensíveis a estas problemáticas, penso que o grande trabalho é chegar à comunidade em geral e, muito em especial, às famílias”, afirmou, à margem da apresentação dos primeiros resultados do estudo Cyberbulliyng – um diagnóstico da situação em Portugal, que decorreu hoje no auditório da FPCEUC. Na sua perspectiva, em Portugal verifica-se “um atraso
Ler mais...

Abr
3

0


O programa lançado em 2007 previa obras em 332 escolas. Em 2009, nos documentos da empresa já só eram referidos 205 estabelecimentos de ensino. Segundo Sintra Nunes, isto foi a consequência da definição do modelo de intervenção nas escolas que levou a passar de uma estimativa total de investimento, que era de 940 milhões de euros, em 2007, para 2,4 milhões, no ano seguinte. “Toda a gente percebeu, na altura, que naquele momento era impossível” chegar a 332 escolas, revelou Sintra
Ler mais...

Mar
31

0


“Desde que surgiu o escândalo das entradas de alunos em Medicina através do recorrente, a sequência de trapalhadas tem sido tal que só se entende como resultado do desconhecimento desta realidade”, afirmou, em declarações ao PÚBLICO, Ana Maria Cunha, que dirige o Colégio D. Dinis, no Porto. Esta directora, para quem o presidente da Associação de Estabelecimentos do Ensino Particular e Cooperativo (por se encontrar fora do país) remeteu o PÚBLICO,
Ler mais...