Mar
8

0


Está igualmente representada a CIL – Centro de Informática, que partilha expositor com a Fujitsu Solutions, indica ainda o mesmo site.

De entre as empresas que se estreiam este ano em Hanôver, a Eurotux destaca-se como um companhia que trabalha há mais de uma década na área do software livre e, de acordo com declarações do administrador da empresa, António Luís Sousa, ao Sapo Tek, a presença na feira de Hanôver é importante para a abertura a outros mercados, nomeadamente ao mercado brasileiro.

O Brasil é, aliás, pela primeira vez na história desta feira anual, um parceiro de pleno direito da CeBIT. A feira foi inaugurada na terça-feira pela chanceler alemã Angela Merkel e pela Presidente do Brasil, Dilma Rousseff.

A aposta em mercados internacionais é, também, o objectivo de outra “estreante” em Hanôver, a empresa Novatronica, que se quer consolidar nos mercados angolano e brasileiro, onde já está representada, e que pretende agora – à semelhança da Eurotux – implantar-se no mercado moçambicano.

De acordo com o mesmo site, a Novatronica está a apresentar em Hanôver dois produtos inovadores: o Nv-Auto (um localizador de veículos) e o FrotaSoft, que faz a localização de viaturas e gestão da frotas, explicou ao Sapo Tek Emanuel Garcia.

A empresa Bullet Solutions, que desenvolveu os seus projectos ao abrigo do QREN (Quadro de Referência Estratégico Nacional), mostra em Hanôver “um software para escalonamento da produção, automático e optimizado”, explicou ao mesmo site Luís Moreira, business development manager da empresa. Ou seja, este software permitirá processos de produção mais eficientes.

Também esta empresa tem em mente internacionalizar o seu produto, assim que este esteja completamente desenvolvido.

A mesma empresa levou igualmente à Alemanha um software que ajuda a gerir horários escolares – o Bullet TimeTabler Education – que já é usado em várias universidades portuguesas. Este produto já foi também adquirido por um cliente em Espanha e está a penetrar em mercados como a Alemanha, Áustria e Suíça.

Quanto à NewConsulting, esta empresa também desenvolveu o seu trabalho com o apoio, parcial, do QREN. O produto desenvolvido pela NewConsulting dá pelo nome de Plataforma SOAPP e tem como objectivo apoiar a gestão de empresas, sobretudo micro, pequenas e médias, pode ler-se no site da empresa.

Finalmente, de entre as empresas que marcam presença – pela primeira vez – no CeBIT, conta-se a Sooma, fundada em 1999 e que se dedica ao sector do free webmail providing.

As “repetentes”

De entre o grupo de empresas que já estiveram presentes no CeBIT em ocasiões anteriores destaca-se o iPortalMais. Este ano, o produto estrela da empresa é o iPortalDoc – Sistema de Gestão Documental e Workflow – como ferramenta essencial para a gestão de processos de negócio”, explicou ao Sapo Tek Raul Oliveira, CEO da iPortalMais.

Por outro lado, o iPortalDoc versão 2012 tem para oferecer um arquivo das comunicações (chamadas, faxes, e-mails e conversas instantâneas) que nas versões anteriores não estava disponível, indica ainda o mesmo site.

A empresa está igualmente a mostrar em Hanôver uma nova solução de call center para a sua central unificada de comunicações descrita como low-cost.




Deixe o seu comentário