Jun
18

0


Frustração, perplexidade, desilusão, oportunidade perdida: estas foram algumas das reacções ao chumbo, pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), da criação de uma pergunta sobre a origem étnico-racial da população no Censos 2021. No dia a seguir ao anúncio desta decisão, o PÚBLICO ouviu alguns membros da posição maioritária no Grupo de Trabalho (GT) criado pelo Governo que recomendou a pergunta, e também académicos e políticos apoiantes da medida.


Autor: PÚBLICO – Educação




Deixe o seu comentário